sábado, 26 de maio de 2018

EFEMÉRIDES do dia 26 de maio

Dia do Euromelanoma.
Santo do dia, São Filipe Neri, (Florença, Itália, 21 de julho de 1515 - Roma, Itália, 26 de maio de 1595). Filipe Rômolo Néri pertencia a uma família rica de Florença, órfão muito cedo de mãe, foi criado junto com a irmã Elisabete e educado pela madrasta. Na infância Filipe foi surpreendia pela alegria, bondade, lealdade, inteligência e virtudes que ele sempre soube cultivar até o fim da vida. Cresceu na sua terra natal, estudando e trabalhando com o pai, sem demonstrar uma vocação maior, mesmo frequentando regularmente a igreja. Aos dezoito anos foi para São Germano, trabalhar com um tio comerciante, mas não se adaptou. Em 1535, aceitou o convite para ser o tutor dos filhos de uma nobre e rica família, estabelecida em Roma. Nessa cidade foi estudar com os agostinianos, filosofia e teologia, diplomando-se em ambas as áreas com louvor. No tempo livre praticava a caridade junto dos pobres e necessitados, actividade que exercia com muito entusiasmo e alegria, principalmente com os pequenos órfãos de filiação ou de moral. Filipe começou a chamar a atenção do seu confessor, que lhe pediu ajuda para fundar a Confraternidade da Santíssima Trindade, com o objectivo de assistir os pobres e peregrinos doentes. Três anos depois, aos trinta e seis anos de idade, ele consagrou-se sacerdote, sendo designado para a igreja de São Jerónimo da Caridade. Tão grande era a sua consciência dos problemas da comunidade que formou um grupo de religiosos e leigos para discutir os problemas, rezar, cantar e estudar o Evangelho. A iniciativa teve sucesso que mais tarde o grupo, de tão numeroso, passou à Congregação de Padres do Oratório, uma ordem secular sem vínculos de votos. Filipe preocupou-se somente com a integração das minorias e a educação das crianças de rua. Tudo o que fez no seu apostolado foi nessa direcção, até mesmo utilizar a sua vasta e sólida cultura para promover o estudo eclesiástico. Com o seu exemplo e orientação, encaminhou e orientou vários sacerdotes que se destacaram na história da Igreja e mais tarde foram inscritos no livro dos santos. Mas somente quando completou setenta e cinco anos passou a dedicar-se totalmente ao ministério do confessionário e à direcção espiritual. Viveu assim até morrer, no dia 26 de maio de 1595. São Filipe Néri é chamado, até hoje, "santo da alegria e da caridade". Foi beatificado pelo Papa Paulo V em 1614 e canonizado pelo Papa Gregório XV em 1622. As celebrações da Igreja Católica em sua honra ocorrem no 26 de maio, dia da sua morte.








Em Portugal


1644 - Batalha do Montijo, onde as tropas portuguesas comandadas por Matias de Albuquerque derrotam as espanhóis. Para além da derrota infligida às tropas espanholas, o efeito na moral das tropas e populações, consequente à heroica proeza de Matias de Albuquerque, teve grandes repercussões, causando júbilo em Lisboa e espantando as cortes estrangeiras, ante a humilhação sofrida por Filipe IV de Espanha.
 
 
 
1690 - Morre António Álvares da Cunha, 17.º Senhor de Tábua, (Estado da Índia, 1 de maio de 1626 – 26 de maio de 1690), aos 65 anos. Foi um nobre e político português, foi feito comendador da Ordem de Cristo, trinchante da Casa Real de El-Rei D. João IV, D. Afonso VI e de D. Pedro II; 25.° guarda-mor da Torre do Tombo de 1668 a 1690, e deputado da Junta dos três Estados. Foi ainda um dos que mais contribuiu para a proclamação de João IV de Portugal, na Restauração da Independência, fazendo parte de Os Quarenta Conjurados. Foi o primeiro membro português da Royal Society de Londres, eleito em 1668. Assim como foi secretário e fundador da Academia dos Generosos.
 
1834 - A Convenção de Évora Monte, também referida como Concessão de Évora Monte e Capitulação de Évora Monte, põe fim à Guerra Civil, marcando a vitória do Liberalismo de D. Pedro IV, na batalha da Asseiceira, na qual D. Miguel I se obrigou, perante a Grã-Bretanha, a Espanha e a França, a fazer depor as armas ao seu exército. Através desta Convenção D. Maria II é recolocada no trono e D. Miguel I de Portugal parte para o exilio.
 
 

1872 - Nasce António Maria da Silva, (Lisboa, Portugal, 26 de maio de 1872 - Lisboa, Portugal, 14 de outubro de 1950). Virá as ser um político português do tempo da Primeira República em Portugal. Foi engenheiro de minas pela Escola do Exército, foi um dos membros da "Alta-Venda" que dirigia a organização revolucionária republicana Carbonária Portuguesa, tendo-se exilado em Espanha, quando as suas actividades foram descobertas. Após a implantação da República Portuguesa foi director-geral-interino da Estatística e administrador-geral dos Correios. No período entre 1913 e 1926 ocupou muitos e variados cargos políticos. Entre 1915 e 1926 foi o 4.º Grão-Mestre Adjunto do Grande Oriente Lusitano, cargo que ficou vago desde 1926 até 1929. A 24 de setembro de 1923 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito.

1874 - Morre Joaquim António de Aguiar (Coimbra, Portugal, 24 de agosto de 1792 - Barreiro, Lavradio, Portugal, 26 de maio de 1884), aos 92 anos. Foi um político e maçon português do tempo da Monarquia Constitucional e um importante líder dos cartistas, mais tarde do Partido Regenerador. Foi por três vezes presidente do Conselho de Ministros de Portugal de 1841–1842, 1860 e 1865–1868, neste último período chefiando o Governo da Fusão, um executivo de coligação dos regeneradores com os progressistas. Ao longo da sua carreira política assumiu ainda várias pastas ministeriais, designadamente a de Ministro dos Negócios Eclesiásticos e da Justiça durante a regência de D. Pedro nos Açores em nome da sua filha D. Maria da Glória o magistrado Joaquim António de Aguiar.

1895 - Morre Gervásio Jorge Gonçalves Lobato (Lisboa, Portugal, 23 de Maio de 1850 - Lisboa, Portugal, 26 de Maio de 1895), aos 45 anos. Foi um escritor, dramaturgo, jornalista, comediógrafo, tradutor, romancista e professor de declamação português da viragem do final do século XIX. Exerceu o cargo de professor de declamação na escola dramática do Conservatório de Lisboa. Com o fim de chegar a diplomata, tirou o Curso Superior de Letras e a cadeira de Direito Internacional da Escola Naval, mas acabou por fazer carreira no campo das letras. Autor, num curto espaço de tempo, de uma obra extensa e variada, foi comparado a Rafael Bordalo Pinheiro quanto ao humor e ao talento de caricaturista. Colaborou em vários periódicos da época, como o Diário de Notícias, o Diário da Manhã, o Jornal da Noite e O Occidente, onde sucedeu a Guilherme de Azevedo na rubrica "Crónica dum ocidental". Os contornos realistas da sua crítica de costumes, exercitada nos romances e nas peças de teatro, são amenizados pelo tom displicente e pelo humor revisteiro. Dedicou-se igualmente à escrita dramática destacamdo-se "O Rapto de um Noivo", com Maximiliano de Azevedo, comédia em 1 acto que foi representada no Teatro Dona Maria II. Seguiram-se numerosas peças originais ou traduzidas e adaptadas, representadas em todos os teatros portugueses como "Medicina de Balzac", "Sua Excelência" (1884), "O Comissário de Polícia" (1890), entre muitas outras, algumas operetas como "Cocó , Ranheta e Facada" e também novelas. Há quem diga que estas operetas de Gervásio Lobato estão na origem da "revista á portuguesa" em Portugal, com a sua certeira e caustica cronica de costumes. É ainda célebre (talvez a mais célebre) a sua novela "Lisboa em Camisa" (1890), sobre uma família burguesa de Lisboa dessa época e passado ao cinema em 1960. Foi condecorado, pelo rei D. Carlos I, com o Oficialato da Ordem de Sant’Iago da Espada, em 1892.
 

 
1911 - O Museu Portuense, primeiro museu público do país, instalado em 1833 no antigo Convento de Santo António, em São Lázaro, passa a denominar-se Museu Soares dos Reis, em homenagem ao primeiro e mais notável pensionista em Escultura da Academia Portuense de Belas-Artes.

1920 - Nasce Ruben Alfredo Andresen Leitão (Lisboa, Portugal, 26 de maio de 1920 - Londres, Reino Unido, 23 de setembro de 1975). Virá a ser um escritor, romancista, ensaísta, historiador, crítico literário, e autor de textos autobiográficos, português, com o pseudónimo Ruben A.. Foi professor no King's College, em Londres de 1947 a 1951 e funcionário da Embaixada do Brasil em Lisboa de 1954 a 1972. Nesta data foi nomeado administrador da Imprensa Nacional-Casa da Moeda. Foi igualmente director-geral dos Assuntos Culturais do Ministério da Educação e Cultura.
 
1971 - É inaugurado o Centro Comercial Apolo 70, na Avenida Júlio Diniz em Lisboa, designado Drugstore Apolo 70, sendo à época o quarto espaço deste tipo a inaugurar em Portugal. Ocupado uma área de 8.000 m2 e considerado o maior drugstore da Europa, dispondo de 41 lojas, uma sala de cinema, sala de bowling e um snack-bar. Ainda actualmente e apesar dos grandes espaços concorrentes que surgiram na capital, sobrevive.
 


1974 - O I Governo provisório fixa o primeiro Salário Mínimo Nacional em 3.300 escudos mensais, um mês após o 25 de abril, entrando em vigor a 27 de maio.

1988 - O escritor português Vergílio Ferreira vence o Grande Prémio de Romance e Novela da APE.

2001 - O Metro do Porto recebe o primeiro veículo da sua frota: o Eurotram 001, apresentado numa cerimónia que se realiza no Museu do Carro Eléctrico do Porto. O veículo fica em exposição no Museu ao longo de uma semana. Pela primeira vez, os cidadãos podem tomar contacto directo com o metro.

 
  

2003 - O livro de poemas "Duende", de António Franco Alexandre, é distinguido com o Prémio D. Dinis da Fundação Casa de Mateus.
 
2004 - O Futebol Clube do Porto vence a 2ª Liga dos Campeões em sua história.

2006 - A judoca portuguesa Telma Monteiro, líder da hierarquia mundial da categoria até 52 kg, sagra-se campeã da Europa, em Tampere, Finlândia.
 
 

2006 - Morre José Marinho (Sobral de Monte Agraço, Portugal, 12 de novembro de 1963 - Lisboa, Portugal, 26 de maio de 2006), aos 42 anos. Foi pianista, compositor e maestro. Foi activo colaborador dos canais de televisão portugueses, nomeadamente a nível de programas musicais, Festival RTP da Canção, galas e programas especiais de entrega de galardões. Trabalhou com diversas personalidades da música portuguesa, como o tenor Carlos Guilherme, os cantores Vitorino e Janita Salomé, Olavo Bilac, Rui Veloso, Lena d´Água, Luís Represas, Simone de Oliveira, entre outros.
 
2006 - O Estado assina o acordo "Compromisso com a Saúde", com a Associação Nacional de Farmácias. A propriedade das farmácias deixa de ser exclusiva dos licenciados e os hospitais públicos passam a ter farmácias concessionadas. Aplicação do acordo prevista para o primeiro trimestre de 2007.
 
2009 - No caso BPN o antigo presidente do Banco, Oliveira Costa, é de novo ouvido na Comissão Parlamentar de Inquérito. Na sessão pública, Oliveira Costa desmente as declarações de Dias Loureiro.



 

 
 


No Mundo


1521 - Martinho Lutero é banido pelo Édito de Worms, decreto do imperador romano Carlos V que proibiu os escritos de Martinho Lutero e o rotulou como inimigo do Estado. Levando-o a refugiar-se no castelo de Wartburgo, sob a protecção do príncipe-eleitor da Saxônia, Frederico, o Sábio. Ali, Martinho Lutero começou a produzir uma obra-prima da literatura alemã, a sua tradução das Escrituras. Posteriormente, Martinho Lutero foi autorizado a regressar à vida pública e tornou-se fundamental na definição das bases para a Reforma Protestante.
 
 
 
1566 - Nasce Maomé III, (Manisa, Turquia, 26 de maio de 1566 - Constantinopla, actual Istambul, Turquia, 22 de dezembro de 1603). Virá a ser sultão otomano denominado "O Justo". No período em que Mehmed III esteve no poder ganhou má reputação. Consta que ele teria dado exagerada atenção ao seu harém, organizando festas sumptuosas e deixando de lado os negócios de negócios e assuntos de Estado.
 
1896 - O czar Nicolau II e a sua esposa, Alexandra Feodorovna, são coroados na catedral ortodoxa da Assunção, ao lado do Kremlin. Durante a longa cerimónia, Nicolau recebeu o cetro e o colar da Ordem de Santo André. Durante a cerimónia o colar ter-se-á aberto e caiu ao chão, os místicos da corte interpretaram esse incidente como um mau presságio. A Revolução de Fevereiro de 1917 obrigaria o czar a abdicar. A família imperial seria executada em julho de 1918.
 
 
 
1896 - É publicado o primeiro índice Dow Jones, com o valor 40.94, com base nas cotações de onze empresas cotadas na Bolsa de Nova Iorque.
 
1897 - Bram Stoker publica "Drácula", considerada a sua maior obra literária. Trata-se de um romance epistolar, ou seja, contado como uma série de cartas, relatos em diário, jornais e registos de bordo. "Drácula" mistura ficção de terror e literatura de vampiros. Embora Bram Stoker não tenha inventado os vampiros e tenha sido influenciado por contos anteriores, o seu romance foi responsável pela popularização dos vampiros através de muitas peças de teatro, cinema e televisão. "Drácula" ganhou inúmeras interpretações ao longo dos séculos XX e XXI.

1907 - Nasce Marion Robert Morrison, mais conhecido por John Wayne (Winterset, Iowa, EUA, 26 de maio de 1907 - Los Angeles, Califórnia, EUA, 11 de junho de 1979). Virá a ser um actor norte-americano, aparecendo com destaque no cinema em 1930, no filme "He Big Trail", um faroeste realizado por Raoul Walsh. Durante vários anos foi estrela de filmes classe B até se consagrar no papel de Ringo Kid no filme "Stagecoach", em 1939, realizado por John Ford. Foi este filme que definiu todas as principais características do cinema faroeste norte-americano. A parceria entre John Wayne e John Ford continuou; realizaram juntos uma série de grandes sucessos e filmes inesquecíveis (vinte e dois no total), como "Three Godfathers" (1948), "The Quiet Man" (1952), "The Searchers" (1956), "The Wings of Eagles" (1957), "The Horse Soldiers" (1959) e "The Man Who Shot Liberty Valance" (1962), além da chamada trilogia sobre a Cavalaria, composta por "Fort Apache" (1948), "She Wore a Yellow Ribbon" (1949) e" Rio Grande" (1950). Foi estrela de Hollywood e trabalhou com diversos realizadores, foi igualmente estrela em muitos outros sucessos do cinema norte americano. Em 1969, recebeu o Oscar de melhor actor no filme "Bravura Indomável" (1969), também dirigido por John Ford. Os dois últimos filmes em que participou foram "O Sheriff" (1975) de Stuart Millar e "O Atirador" (1976) de Don Siegel.
 
 

1926 - Nasce Miles Dewey Davis III (Alton, Illinois, EUA, 26 de maio de 1926 - Santa Monica, Califórnia, EUA, 28 de setembro de 1991). Virá a ser um trompetista, compositor e líder de banda de jazz norte-americano. Considerado um dos mais influentes músicos do século XX, Miles Davis esteve na vanguarda de quase todos os desenvolvimentos do jazz desde a Segunda Guerra Mundial até a década de 1990. Ele participou em várias gravações da corrente bebop e nas primeiras gravações do designado cool jazz. Foi parte do desenvolvimento do jazz modal, e também do jazz fusion que deriva do trabalho dele com outros músicos no final da década de 1960 e no começo da década de 1970. Miles Davis pertenceu a uma classe tradicional de trompetistas de jazz, que começou com Buddy Bolden e que se desenvolveu com Joe "King" Oliver, Louis Armstrong, Roy Eldridge e Dizzy Gillespie. Ao contrário desses músicos ele nunca foi considerado com um alto nível de habilidade técnica. Como trompetista Mile Davis tinha um som puro e claro, mas também uma incomum liberdade de articulação e altura. Ele ficou conhecido por ter um registo baixo e minimalista de tocar, mas também era capaz de conseguir alta complexidade e técnica com seu trompete.

1937 - O Egipto passa integrar a Sociedade das Nações.

1940 - Evacuação da Força Expedicionária Britânica em Dunquerque ocorrida durante a II Guerra Mundial. Conhecida como a Evacuação de Dunquerque, Milagre de Dunquerque ou Operação Dínamo. Quase trezentos e quarenta mil soldados aliados foram evacuados sob intenso bombardeamento, entre 26 de maio e 4 de junho, da cidade francesa de Dunquerque até a cidade inglesa de Dover. Um desastre decorrente da invasão da França pela forças nazis em 10 de maio de 1940, que avançou rapidamente devido à falta de resistência aliada efectiva.
 
 
 
1942 - O general Rommel lança a ofensiva alemã no Norte de África, a grande ofensiva dos Aliados contra as tropas da aliança teuto-italiana durante a II Guerra Mundial. O general Rommel passou de crítico a adversário de Adolf Hitler. Negando-se a sacrificar o Afrikakorps e ordenou a retirada total da África do Norte. Sucedeu-se uma fuga caótica das tropas teuto-italianas rumo à Tunísia.

1954 - É descoberto, no Egipto, o que se julga ter sido o barco solar fúnebre do Faraó Keops. O barco desmontado terá sido enterrado por volta de 2.500 a.C..
 
 

1972 - OS EUA e a URSS assinam o acordo SALT-1 para limitação dos sistemas de mísseis inter-continentais e o Tratado Anti-Mísseis Balísticos.
 
1979 - Israel devolve ao Egipto a soberania de El Arish, capital do Sinai, que ocupou durante 12 anos.

1995 - Morre Isadore "Friz" Freleng (Kansas City, Missouri, EUA, 21 de agosto de 1906 - Los Angeles, Califórnia, EUA, 26 de maio de 1995), aos 88 anos. Foi um animador, cartunista, realizador e produtor norte americano. Ficou famoso pelo seu trabalho nas séries de animação Looney Tunes e Merrie Melodies dos estúdios Warner Brothers, actualmente repassados no canal Cartoon Network. Criador dos famosos personagens de desenho animado Bugs Bunny, Porky Pig, Daffy Duck, Tweety Bird, Tasmanian Devil, Sylvester, Speedy Gonzáles, Bip Bip ou Papa-Léguas, Coiote, entre outros que fazem parte dos Looney Tunes. Em conjunto com David H. DePatie criou a DePatie-Freleng Enterprises, uma produtora de desenhos animados famosa por clássicos como A Pantera Cor de Rosa, Roland and Rattfink entre outros.
 
 

2002 - O realizador Roman Polanski recebe a Palma de Ouro do Festival de Cannes pelo filme "O Pianista".

2003 - Os membros da Agência Espacial Europeia chegam a acordo sobre o programa europeu Galileo, sistema global de posicionamento por satélite.
 
2005 - O Tribunal de Justiça das Comunidades Europeias condena Portugal por incumprimentos vários na gestão e controlo das quotas nas campanhas de pesca entre 1994 e 1996, na sequência de uma queixa apresentada pela Comissão.



2005 - É inaugurado o Memorial da Paz, em Díli, Timor-Leste, monumento que homenageia os que sofreram na luta pela paz. O monumento, denominado foi construído com contribuições monetárias de vários países e empresas, tendo Portugal participado com 5 mil dólares.

2006 - As forças de defesa timorenses, sob coordenação de tropas australianas, estabelecem um perímetro de segurança em Díli.

2006 - O general Michael Hayden é confirmado director da CIA pelo Senado dos EUA.
 


2008 - O regime militar birmanês congratula-se por a constituição ter sido aprovada por mais de 92 por cento dos eleitores a nível nacional e por a participação no referendo ter atingido os 98 por cento. A oposição classifica referendo como uma "fraude".

2008 - Morre Sydney Pollack (Lafayette, Indiana, EUA, 1 de julho de 1934 - Los Angeles, Califórnia, 26 de maio de 2008), aos 73 anos. Foi um cineasta, produtor e actor norte-americano. Data de 1962 o seu primeiro papel como actor no no filme "War Hunt" e como realizador no filme The Slender Thread (1965). Muitos sucessos se seguiram quer como actor quer como realizador. Sydney Pollack teve os seus dois grandes sucessos de bilheteira aclamados pela crítica com o filme "Tootsie" ou "Quando Ele Era Ela" (1982), como realizador, produtor e actor, tendo como actor principal Dustin Hoffman e "Out of Africa" ou "África Minha", como realizador e produtor com Meryl Streep e Robert Redford, um de seus actores preferidos, que ganhou o Oscar de melhor filme de 1985 e deu a Sydney Pollack o de melhor realizador. Realizou para além de outros filmes, os episódios das séries de TV "O Fugitivo" e "The Alfred Hitchcock Hour".

 2009 - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nomeia a primeira juíza de origem hispânica, Sonia Sotomayor, para o Supremo Tribunal.








Texto:
Paulo Nogueira